por Tody Macedo

Eu não mudo de endereço e nem as digitais,

não mudo o meu jeito por vezes de querer.

Tento me conter, tento aproveitar…

se me resta o consolo, me afeiçoo neste seu olhar.

Não faço drama, me enrosco nas tramas…

Eu não vou voltar atras…

 

Mudei de estação como quem procura o calor,

Soou na rádio uma nova canção desentoada.