por Tody Macedo

“Oi, simplesmente oi…
E dificilmente encontrar palavras*”
Então alçar voos no pincel
Pintando o céu como criança
Fazendo da lembrança um refúgio
Salva guarda, salva-vidas
Mar revolto em mim
Deixou minha calma sem fim

Meu tom de cinza, preto e branco
Fumaça, névoa da madrugada
Uma pincelada torta e leve
Imitação breve de borboleta
Pra bem logo padecer…

*Ciao, semplicemente ciao

Difficile trovare parole. ( Come un  pittore – Modà)

Inspiração: http://outono.org/2011/06/24/tudo-bem/