Por Tody Macedo

Gostaria de amar só mais uma vez…

como um cantar do vento – suave e intrépido – amar mais uma vez.

Gostaria só mais uma vez ter seus olhos nos meus e suas mãos nas minhas. Passear pelo espaço. Contar estrelas que não caem.

Gostaria só mais uma vez contar pro mundo das estrelas em seus olhos cintilando e cantando que gostaria só mais uma vez nadar no mar da insensatez. E nesta ultima vez beijar os raios do sol ao se por, sentir o perfume da noite, sentir a melodia do medo no meio da escuridão que me entorpece.

E só mais uma vez, gostaria do abraço do orvalhar do dia, nos lábios do raio a melodiar o amor que mais uma vez eu gostaria…